O Concelho de Tomar tem vindo a assistir a um aumento da criminalidade, que afeta a vida da maior parte sua população.

Têm sido registados e noticiados assaltos a residências e estabelecimentos comerciais, sendo que estes factos acabam por estar muitas vezes relacionados com problemas de droga e toxicodependência.

Também têm vindo a público relatos de troca de tiros em plena cidade de Tomar, facto este que se torna preocupante e inquietante, deixando com receio e medo todas pessoas que cá vivem, trabalham e que aqui se querem fixar.

Existem, por isso, motivos para estarmos todos preocupados com esta situação, não podendo a câmara municipal ficar de “braços cruzados” a assistir a esta situação, sem promover de imediato mediadas urgentes no sentido de inverter esta situação.

É preciso agir de imediato e fazer todas as diligências necessárias para que se efetue o combate ao crime e a promoção da segurança, em face de todos este factos que são graves, arrepiantes e assustadores, devendo o executivo municipal providenciar todos os meios para impedir o agravamento desta situação.

Neste sentido os vereadores do PSD, na reunião do executivo municipal de 14 de Abril de 2014 recomendam:

1. Que seja agendada com caráter de urgência uma reunião com o Ministro da Administração Interna, para dar a conhecer a situação que se vive no concelho de Tomar e para que tome as medidas que se mostrarem mais adequadas a um eficaz combate ao crime, na área do concelho, nomeadamente, através o reforço dos efetivos da PSP e da GNR, tendo em consideração a população existente;

2. Que institua e convoque o mais rapidamente possível o Conselho Municipal de Segurança e que inicie uma política de apoio às Instituições de Tomar, que têm um papel insubstituível na prevenção do crime.

 

Tomar, 14 de Abril de 2014

Os vereadores do PSD

João Miragaia Tenreiro

Maria Luísa Oliveira