1. Foi com estupefacção e surpresa que os vogais do PSD, da Assembleia de Freguesia Madalena – Beselga vieram a saber que é intenção do Ministério da Educação, encerrar a Escola EB de Porto da Lage (Madalena);
  2. Apurámos que a Escola em causa resultou de uma escolha através de uma lista de escolas que foi proposta à Associação Nacional de Municípios Portugueses, com que o governo da República estabeleceu negociações, no sentido de decidir quais as Escolas em concreto que iriam encerrar;
  3. É lamentável que a junta de freguesia não tenha sido previamente auscultada de modo a poder reunir a sua Assembleia de Freguesia e assim permitir uma tomada de posição no sentido de evitar essa mesma decisão;
  4. A instalações da Escola em causa são modernas, devidamente apetrechadas e munidas de todos os meios, servido um grande número de aglomerado urbano desta freguesia, não só dos lugares de Porto da Lage, com também do Paço da Comenda e povoados envolventes
  5. Trata-se de uma área urbana desta freguesia que se encontra em clara expansão, onde a regra cega de “encerrar todas as escolas com menos de 21 alunos” não poderá ter aplicabilidade prática;
  6. Trata-se de um estabelecimento inaugurado em Dezembro de 1993, cuja utilização para os fins a que se destina poderá e deverá ser potenciada, não só pelo poder local, como também pelo poder central;
  7.  
Assim sendo, a Assembleia de Freguesia de Madalena – Beselga, delibera
A)     Manifestar o seu repúdio pela intenção de encerramento da referida Escola;
B)      Exigir, à Câmara Municipal de Tomar que a mesma solicite, com caráter de urgência, ao Ministério da Educação, a suspensão imediata da decisão de encerramento da Escola EB de Porto da Laje.
C)      Manifestar, junto do Ministério da Educação e da Câmara Municipal, que não concorda e não aceita esse mesmo encerramento, solicitando que após essa suspensão, seja feito um levantamento do número de famílias e crianças residentes nos lugares de Paço da Comenda e Porto da Laje e povoados adjacentes, que estudem e que possam vir a estudar na referida Escola;
D)     Que a junta de Freguesia faça, com caráter de urgência, esse mesmo levantamento, e que o dê a conhecer à Câmara Municipal de Tomar, assim como ao Ministério da Educação;
Madalena, 24 de Junho de 2014
Os Vogais eleitos pelo PSD